Se hoje o mercado editorial está com a fama de problemático,

só temos a agradecer porque os astros se alinharam especialmente pra nós,

que crescemos lendo, escrevendo, fotografando, criando, surfando,

vivendo nossa própria história, e quase sempre conseguindo

dar de ombros pro que os outros pensam a nosso respeito.

Enfim, fazendo o que sabemos fazer.

 

 

  

Nós sabemos contar história.

E nós sabemos honrar os problemas nos quais nos enfiamos.

 

Nós, que criamos a FLAMBOIAR, temos um histórico e tanto. A vida inteira sentimos os efeitos do nosso desencaixe, e isso já pareceu um problema pra nós. Só que quando agitadores crescem, eles deixam de ser um problema e se tornam solução porque não pensam igual, porque adoram, amam mesmo de toda alma, encarar uma boa encrenca. Alguém precisa fazer o trabalho pesado.

Isso quer dizer que sim. Faz todo sentido estarmos aqui porque temos uma certeza muito grande – não é o mercado que está encrencado. Quem está em apuros são as ideias velhas e pré-moldadas de quem costumava mandar nisso tudo.

O problema não é a falta de público. Mas sim a incapacidade das revistas e sites que crescemos lendo continuarem sendo interessantes para um público que mudou, que evoluiu em ideias, acessos e comportamentos.

Por que estamos nessa? Porque é isso que somos. O que até pouco tempo atrás nos parecia um dilema, agora é claro. Temos a consciência de que somos o produto de uma evolução na forma de acessar e perceber as coisas.

Nunca nos serviu o padrão, o horário, as regras. E agora entendemos o motivo. Como em toda boa história, é da transgressão que surge o novo.

 

 

FLAMBOIAR é um canal 

multiplataforma

de conteúdo 

sobre surf.

 

Ação, cultura, equipamento e lifestyle.

Unindo boas histórias à

ação, fazemos a diferença

na relação de cada um

com o surf.