Retrô ou high performance? Qual sua prancha preferida?

Retrô ou high performance? Qual sua prancha preferida?

O que é prancha high performance e o que é prancha retrô?

Afinal, o que hoje chamamos de retrô um dia já foi high performance… Tudo depende da ótica do surfista vivendo atualidades em diferentes fases da história.

Para falar sobre as pranchas de ontem, hoje e, quiçá, de amanhã 😜, este episódio do Surf de Mesa recebe o shaper Kareca. Com 50 anos ininterruptos de shape nas mãos, ele fala sobre a evolução na fabricação das pranchas a partir da ótica da evolução do próprio surf.

E se você é adepto de romantizar o passado e busca aquela estética bonita, saiba que o melhor dos mundos é o hoje, quando a cara de antigamente pode se unir à performance, desempenho e conhecimento atuais. Nesse contexto, cabe ainda diferenciar as pranchas retrôs e vintages (ou, clássicas).

Seja high performance, retrô ou clássica, uma coisa é inquestionável: em qualquer época, o grande barato dos shapers, segundo Kareca, é o desafio de criar, de quebrar barreiras em busca do progresso do equipamento e de lugares na onda onde o surfista ainda não chegou e pode chegar…

Se você é daqueles que gosta de dar uma olhadinha para trás com objetivo de entender o que está vivendo hoje e mantendo a atualidade como norte, dá o play e cola o ouvidinho aqui:

 

Além do Spotify, você também pode ouvir o podcast nas plataformas iTunes e Spreaker.